Na sua opnião contabilidade é gasto ou investimento?
Ver Resultado

3 de novembro de 2015
Quanto vale a sua empresa?
3 de novembro de 2015
A armadilha do fundador
3 de novembro de 2015
Empreender exige planejamento
24 de março de 2015
Pare, olhe, escute

6 mitos sobre ser empreendedor que devem ser esquecidos

Empreendedorismo: 41% dos pequenos empresários acreditavam que poderiam tirar férias quando quiser

Muitos sonham em largar o emprego e empreender. Mas abrir e administrar uma pequena empresa nem sempre corresponde às expectativas do empreendedor. É o que mostra a pesquisa inédita “O Céu e o Inferno do empreendedorismo”, realizada pelo Sebrae-SP.

O objetivo da pesquisa é conhecer em profundidade quem são e o que pensam os donos de negócios do Estado de São Paulo. Hoje, existem aproximadamente 2,2 milhões de empreendedores formalizados no estado.

O estudo teve como base 120 entrevistas pessoais para definir os perfis de empreendedores e 1080 entrevistas telefônicas com microempreendedores individuais, proprietários de microempresas e empresas de pequeno porte. O período da coleta de dados foi de 10 a 25 de abril deste ano.

Veja abaixo os principais mitos e verdades antes e depois de abrir a própria empresa:

1. Ser dono de negócio faz com que você corra menos atrás do dinheiro

Antes de abrir a própria empresa, 40% dos entrevistados acreditavam que viveriam correndo atrás do dinheiro. Depois de abrir, essa percepção subiu para 62%.

2. Dono de negócio pode tirar férias quando quiser

41% dos pequenos empresários acreditavam que poderiam tirar férias a qualquer momento. Depois de abrir o negócio, esse índice baixou para 23%.

3. Ser dono de negócio faz com que você tenha mais tempo para dedicar-se à família e aos amigos

57% acreditavam que teriam mais tempo para ficar com a família e com os amigos. Mas ao virar dono de uma empresa, só 43% dos empreendedores continuaram com essa opinião.

4. Ser dono de negócio não faz você se sentir só, sem ter com quem compartilhar seus problemas

26% acreditavam que se sentiriam sozinhos, sem ter com quem compartilhar os dilemas de ter uma empresa. Depois de abrir o negócio, 37% dos entrevistados afirmaram que isso é verdade.

5. Dono de negócio trabalha menos que funcionário

25% acreditavam que trabalhariam menos como dono do que como funcionário. Após a abertura do empreendimento, apenas 15% continuaram com essa ideia.

6. Uma boa ideia é o suficiente para enriquecer

43% dos empresários acreditavam que uma boa ideia era suficiente para enriquecer. Mas depois de ter a própria empresa, essa opinião baixou para 34%.

Ainda de acordo com a pesquisa, as principais fontes de inspiração para empreender, antes ou depois de abrir o negócio, são vontade própria e família.

Empresários de sucesso como Samuel Klein, Washington Olivetto, Antônio Ermírio de Moraes, Abílio Diniz, Roberto Justus, Bill Gates e Sílvio Santos foram nomes citados pelos entrevistados como fontes de inspiração.

Fonte: Exame.com